Telecomunicações em Portugal: serviços, operadoras e organizações

Telecomunicações em Portugal
Fique a conhecer os pontos mais importantes das telecomunicações em Portugal

Neste artigo damos-lhe a conhecer os temas mais importantes nas telecomunicações em Portugal: as operadoras e serviços disponíveis, as vantagens e desvantagens das telecomunicações e as organizações deste mercado. Pode também explorar um pouco da evolução das telecomunicações no nosso país.


Operadoras de Telecomunicações em Portugal: lista completa

Ao longo das últimas décadas, o ramo da tecnologia tem evoluído de forma rápida e eficaz e os resultados nas telecomunicações estão cada vez mais à vista. Quem diria que falta tão pouco para haver 5G em Portugal? Ou que teria internet móvel sempre que quisesse?

O desenvolvimento das telecomunicações em Portugal está espelhado em 4 operadoras principais, com os mais variados serviços disponíveis para todas as pessoas em Portugal continental e ilhas.

Operadoras de Telecomunicações em Portugal
NOWO
NOS
Vodafone
MEO

Os serviços de telecomunicações na NOWO são os mais baratos do nosso país. Existe uma grande aposta na extensão da cobertura de fibra da NOWO para o interior do país, para zonas mais remotas que ainda não têm fibra ótica, mas ainda há um longo caminho pela frente.

Por outro lado, a MEO é a operadora de telecomunicações com a maior rede de fibra do país. É também a única operadora de telecomunicações em Portugal com serviços em ADSL e satélite e é por isso que tem o maior nível de cobertura

Com exceção da NOWO, as restantes 3 operadoras de telecomunicações em Portugal têm marcas (ou operadoras) com tarifários para telemóvel para os mais jovens.

Operadoras de Telecomunicações para os mais jovens
WTF
Moche
Yorn

O que distingue estas operadoras de telecomunicações? Em primeiro, tem de ter menos 25 anos de idade (ou inclusive) para aderir a um dos tarifários.

São empresas de telecomunicações que comunicam para jovens e que possuem descontos adequados para esse público: nos cinemas NOS, em restaurantes de fast food e em empresas de transporte (como a Uber).

Depois dos tarifários ilimitados, os plafonds da WTF, Moche e Yorn são os melhores do mercado Dentro dos tarifários de telecomunicações em Portugal, a WTF, Yorn e Moche têm os melhores tarifários para telemóvel: com um elevado tráfego grátis para muitas apps (como o Whatsapp, o Tik Tok, Instagram, entre outros) e uma mensalidade muito baixa. A desvantagem é que só podem aderir jovens até aos 25 anos de idade.

Dentro dos serviços de telecomunicações existentes, tudo vai depender do que procura: é só um serviço para telemóvel? é um pacote com TV, Net e Voz? Quer ser cobrado todos os meses em fatura? Ou prefere fazer carregamentos no telemóvel?

No próximo capítulo vamos dar-lhe a conhecer todos os serviços de telecomunicações em Portugal para os conhecer e, se quiser, fazer as suas escolhas para um pacote de serviços eficaz para o seu dia-a-dia.

Que Serviços de Telecomunicações são vendidos em Portugal?

A verdade é que as empresas de telecomunicações vendem todo o tipo de serviços. Cabe a si escolher se quer apenas o serviço de internet fixa ou 4 serviços incluídos num único pacote de telecomunicações.

Serviços das Empresas de Telecomunicações em Portugal
  NOS NOWO Vodafone MEO
Televisão    *    
Internet        
TV e Net  *      
TV e Voz        
Net e Voz        
TV, Net e Voz        
TV, Net e Telemóvel        
TV, Net, Voz e Telemóvel        
Telemóvel        

* No caso assinalado é possível aderir a TV e Net em casos concretos: com a NOWO Box Ip da NOWO ou em pacotes para Segunda Casa.

A internet é o serviço de telecomunicações mais valorizado pelos clientes. Com este único serviço, pode abrir uma grande quantidade de funcionalidades e, inclusive, outros serviços: ver TV online ou fazer chamadas para números fixos com a rede de internet, por exemplo.

Nos últimos anos, as operadoras de telecomunicações têm apostado na melhoria da velocidade de internet para que os clientes estejam mais satisfeitos. A velocidade de 24 Mb, disponível nos pacotes de ADSL, parece já uma coisa do passado se comparar com as velocidades disponíveis nos pacotes de fibra.

Depois do serviço de internet, a TV é o serviço mais escolhido pelos consumidores de telecomunicações. No primeiro semestre de 2020, cerca de 89% das famílias portuguesas tinham este serviço em casa e a tendência é de contínuo crescimento.

Os consumidores procuram cada vez mais formas de entretenimento, seja com mais canais de TV em casa ou mesmo com a subscrição de serviços de streaming.

Dentro dos serviços vendidos pelas empresas de telecomunicações estão ainda incluídos os tarifários móveis, o telefone fixo e a banda larga móvel (também conhecida por hotspot).

Ainda não encontrou o pacote de telecomunicações mais adequado? Com o apoio da nossa equipa pode poupar na sua fatura de telecomunicações todos os meses e ter os melhores serviços em casa.

Evolução das Telecomunicações em Portugal

A evolução das telecomunicações em Portugal começou no século XIX, mas só mais recentemente é que o desenvolvimento da tecnologia associada às telecomunicações começou a ser extremamente rápido. Agora muitas casas já contam com uma velocidade de internet de 1Gb.

evolução das telecomunicações

Quase ninguém previa que as telecomunicações em Portugal e em todo o mundo se tornassem tão importantes. As primeiras experiências com o telefone aconteceram em 1877 (e começaram 1 ano depois em Portugal) e, neste momento, já poucos conseguem viver sem smartphones.

Não há melhor linha cronológica que a do grupo Altice Portugal. Com base na história do grupo, damos-lhe a conhecer alguns dos pontos mais marcantes das telecomunicações em Portugal.

Evolução das Telecomunicações em Portugal

1877 e 1882
Ocorrem as primeiras experiências de telecomunicações em Portugal: uma chamada telefónica a ligar Carcavelos à Central do Cabo (Lisboa). Em 1882, as concessões do serviço telefónico são exploradas pela Edison Gower Bell Telephone Company of Europe Ltd.
1922
A empresa Marconi’s Wireless Telegraphy Company começa a explorar a rádio-telegrafia e o serviço de telefonia sem fios. Em 1925, funda-se a Companhia Portuguesa Rádio Marconi para explorar os serviços indicados.
1968
Neste ano é criada a Empresa Pública Telefones de Lisboa e Porto (TLP) e até este ano, os CTT exploravam o serviço de telefone em Portugal. Em 1970, os CTT passam a ser uma empresa pública (do Estado Português).
1990
O serviço público de videoconferência é inaugurado no Fórum Picoas e, 1 ano depois, nasce a Teledifusora de Portugal (TDP) para explorar as infraestruturas de teledifusão.
1991
A TMN Telecomunicações Móveis S.A é constituída e a primeira videoconferência é feita entre Lisboa e Macau. Em 1992, a rede de telecomunicações passa a ser explorada por 3 operadoras.
1994
O grupo Portugal Telecom (agora conhecido como Altice Portugal) é constituído. O Portal Sapo é criado na Universidade de Aveiro e é feita a primeira transmissão (experimental) da televisão por cabo.
2000
A PT Telecom (conhecida agora como Altice Portugal) começa a liderar o mercado de telecomunicações em Portugal com a expansão dos serviços para novas áreas de negócios. O nosso país consegue 100% de cobertura de banda larga.
2007
Houve uma tal evolução das telecomunicações que, neste ano, é lançado o serviço triple-play da Portugal: a MEO. É em 2009 que a fibra ótica da PT Telecom começa a chegar a casa dos consumidores

Depois de 2009, a evolução das telecomunicações em Portugal atinge uma proporção como nunca antes foi vista: os serviços de TV, Net, Voz e Móvel evoluíram a par com a tecnologia e, neste momento, temos smartphones constantemente ligados à internet graças à rede 4G.

Para além disso, os serviços fixos têm uma velocidade e qualidade como nunca antes vistos. Atualmente, os pacotes de fibra são mais potentes do que os de satélite ou ADSL.

E porque é que os serviços de telecomunicações de fibra são mais potentes? Pelas características dos cabos de fibra ótica: estão menos sujeitos a interferências e transmitem a informação de forma muito mais rápida do que acontecia anteriormente com os cabos de cobre.

A evolução das telecomunicações em Portugal juntou mais as pessoas: ligou-as e, com um simples toque, é possível fazer videochamadas. Podemos fazer reuniões à distância e trabalhar à distância. Quem imaginava este cenário há 20 anos?

Quais são as vantagens e desvantagens das Telecomunicações?

A verdade é que há vantagens e desvantagens nas telecomunicações: por se usarem cada vez mais e por existirem cada vez apps e softwares que chegam mesmo a substituir o trabalho que antes era realizado por pessoas.

A evolução das telecomunicações trouxe algumas vantagens e desvantagens para o dia-a-dia. Identifica-se com alguns dos exemplos dados?

Vantagens e Desvantagens das Telecomunicações
 Vantagens  Desvantagens
Comunicar à distância: por chamadas ou SMS É sempre necessário ter uma boa cobertura
Descarregar todo o tipo de conteúdo (vídeos, música, etc.) Possibilidade de infectar os equipamentos com malwares informáticos
Pesquisa facilitada de todo o tipo de conteúdos Violação de privacidade
Acesso rápido à internet (por acesso a Wifi ou dados móveis) Pode criar dependência
Jogar facilmente online Acesso muito fácil a conteúdos para adultos

Como qualquer serviço ou produto, o mercado das telecomunicações tem vantagens e desvantagens como lhe mostrámos. Apesar das telecomunicações exigirem que as empresas estejam (sempre) atualizadas, há sempre perigos que estão ao virar da esquina.

E é a pensar nos perigos das telecomunicações que as operadoras lançaram os seus próprios serviços de segurança: para internet, TV e telemóvel. As pessoas sempre que só utilizavam o serviço de telefone corriam menos perigo e tinham mais privacidade.

Dentro da lista de vantagens e desvantagens das telecomunicações, importa sempre olharmos para as vantagens dos serviços de telecomunicações à venda no mercado. Nunca estivemos tão conectados com outras pessoas, com um simples toque no telemóvel.

Com a evolução das telecomunicações e, por outro lado, da tecnologia surgiram organizações para regular, evoluir e recordar este mercado no nosso país.

Conheça as organizações de Telecomunicações em Portugal

Principais organizações de telecomunicações em Portugal
ANACOM
Instituto de Telecomunicações
Museu de Telecomunicações

Dentro das dezenas de organizações de telecomunicações em Portugal queremos que conheça algumas das mais importantes e com objetivos totalmente diferentes umas das outras.

Queremos que conheça, em primeiro lugar, a entidade reguladora das telecomunicações (ou ANACOM). É como o próprio nome indica, a organização que regula o mercado das telecomunicações para que não exista qualquer abuso por parte das operadoras de telecomunicações.

É para esta entidade reguladora das telecomunicações em Portugal que deve fazer uma reclamação sempre que não consegue resolver uma situação com a sua companhia de telecomunicações.

Já as restantes organizações de telecomunicações têm objetivos distintos: o Instituto de Telecomunicações investiga novas áreas (como as comunicações por wireless, multimédia, entre outros) e o Museu das Telecomunicações é um espaço pedagógico sobre o passado das telecomunicações no nosso país.

Entidade Reguladora das Telecomunicações: a ANACOM

O que é a ANACOM? A ANACOM é a entidade reguladora das telecomunicações em Portugal. Regula o setor das telecomunicações, em que estão incluídas as comunicações eletrónicas e postais. Deve impor obrigações específicas às empresas de telecomunicações, sempre que necessário, e prestar informação aos consumidores.

São muitos os clientes que, num nível prático e diário, querem saber como podem beneficiar da Entidade Reguladora das Telecomunicações (ou ANACOM). Se o objetivo desta Entidade é regular o mercado, então pode fazer chegar sugestões ou mesmo reclamações sobre a sua operadora de telecomunicações.

Dentros das inúmeros poderes da Entidade Reguladora das Telecomunicações destacamos alguns dos mais importantes para as pessoas e para as organizações.

  • Poderes da ANACOM (Entidade Reguladora das Telecomunicações)
  • Impor obrigações específicas às empresas de telecomunicações, como o dever de apresentar ofertas sem fidelização no catálogo de serviços;
  • Prestar informação e orientação aos consumidores de telecomunicações;
  • Implementar leis e regulamentação no setor de telecomunicações e verificar o cumprimento dessas mesmas leis;
  • Monitorizar a atividade das entidades de telecomunicações;
  • Inspecionar regularmente as queixas e reclamações dos clientes de telecomunicações em Portugal;

Para além de ser um elo de apoio aos consumidores de telecomunicações, a Entidade Reguladora das Telecomunicações deve ser também uma fonte de informação com qualidade. De forma regular são publicados os mais diversos estudos (e conclusões) na área das telecomunicações.

Com a chegada do 5G ao nosso país, a Entidade Reguladora de Telecomunicações tem publicado dezenas de estudos e conclusões sobre este tema: sobre os efeitos na saúde pública e os desafios sobre a implementação da rede.

Deve consultar o website oficial da ANACOM para ficar a par de todos os conteúdos e comunicados da Entidade Reguladora das Telecomunicações.

Instituto de Telecomunicações

Graças à parceria estabelecida com várias organizações, o Instituto de Telecomunicações está envolvido em várias pesquisas nacionais e internacionais no campo das telecomunicações. É uma organização sem fins lucrativos que cria e promove o conhecimento cientfíco dentro desta área.

Na verdade, a equipa do Instituto de Telecomunicações está espalhada por diferentes universidades e organizações. As áreas de investigação estão focadas em 4 áreas distintas, extremamente úteis para a evolução das telecomunicações do dia-a-dia.

  • Áreas de Investigação do Instituto de Telecomunicações
  • Comunicação Sem Fios
  • Comunicação Óptica (Optical Communications)
  • Redes e Multimédia
  • Ciências Básicas e Tecnologias de Habilitação

Os membros do Instituto de Telecomunicações estão divididos por diferentes grupos de investigação, nas áreas que indicámos. Graças a uma parceria com diferentes universidades, os grupos de investigação desenvolvem o seu trabalho na Universidade de Aveiro, na Universidade de Coimbra, entre tantas outras.

Foi graças ao Instituto de Telecomunicações que a rede 4G começou a ser implementada em Portugal no início dos anos 90. Os membros do instituto colaboram com mais de 120 instituições e laboratórios para que, num trabalho em equipa, exista uma evolução eficaz dos serviços de telecomunicações.

Recomendamos a consulta do website do Instituto de Telecomunicações para consultar todo o trabalho desenvolvido nas diferentes áreas das telecomunicações em Portugal.

 

Museu das Telecomunicações

O Museu das Telecomunicações promove o estudo, a conservação e a divulgação do património histórico, científico e tecnológico do mercado de telecomunicações. O Museu das Telecomunicações está dividido em exposições permanentes, temporária e numa oficina para os mais pequenos.

O Museu das Telecomunicações abriu as portas ao público em outubro de 1997, em Lisboa, com exposições permanentes, temporárias e com a oficina viva de Ciência e Tecnologia. Esta oficina foi pensada para os mais pequenos, com programas educativos e temáticos sobre as telecomunicações.

Falamos-lhe de algumas das exposições do Museu das Telecomunicações para saber o que pode ver e ficar a conhecer neste espaço cultural.

Exposições do Museu das Telecomunicações

Vencer a Distância – Cinco Séculos de Comunicações em Portugal
Esta exposição do Museu das Telecomunicações estará aberta ao público até 2050 e mostra ao público a evolução e o desenvolvimento de técnicas que permitiram uma comunicação mais eficiente entre as pessoas.
Casa do Futuro na Cloud – Viver numa Smart City
Trata-se de uma exposição que está em vigor desde 2014 no Museu das Telecomunicações e estará em vigor até ao final de 2020. Promove o conhecimento de novas tecnologias (equipamentos, aplicações e serviços avançados) que uma casa pode ter: as chamadas casas do futuro.
Mala-Posta
A exposição Mala-Posta do Museu das Telecomunicações recria situações à escala real e associadas a este transporte de pessoas e de correio dos finais do século XVIII e início do século XIX. Está em vigor até 2050.

Para além destas exposições permanentes do Museu das Telecomunicações, os visitantes podem ainda explorar as exposições temporárias. A exposição que, neste momento, está em vigor relaciona o papel dos submarinos nas comunicações em Portugal.

O Museu das Telecomunicações é a "face" mais visivel da Fundação Portuguesa das Telecomunicações. Explore o website do Museu das Telecomunicações para conhecer mais conteúdo online e disponível sobre esta área.

Perguntas mais Frequentes sobre Telecomunicações

Que serviços de telecomunicações posso ter?

Pode ter vários serviços de telecomunicações em casa: internet fixa, TV, telemóvel, telefone ou mesmo internet móvel. A internet móvel pode estar disponível no smartphone (por dados móveis) ou por hotspot. Pode explorar todos os serviços de telecomunicações em Portugal.

Os serviços de telecomunicações em Portugal são vendidos por empresas?

Sim. Os serviços de telecomunicações em Portugal são vendidos por empresas (mais conhecidas como operadoras): NOS, NOWO, MEO e Vodafone. Existem outras marcas de serviços de telecomunicações móveis para os mais jovens: Yorn, Moche e WTF.

Como posso aderir aos serviços de telecomunicações: individualmente ou em pacote?

O consumidor é que decide se quer subscrever serviços de telecomunicações em pacote ou individualmente. As melhores condições são sempre feitas aos clientes que querem subscrever pacotes de serviços.

Quais as vantagens e desvantagens das telecomunicações?

Entre as vantagens e desvantagens das telecomunicações podemos apontar a facilidade em estar ligados uns aos outros (por envio de mensagens em chat, videochamadas, etc.) e, por outro lado, a dependência que podem causar. Consulte todas as vantagens e desvantagens.

Atualizado em
211 451 227
Ligamos-lhe Grátis